Testes de DNA
Bovinos - Equinos - Ovinos.

Dúvidas Frequentes

O QUE É GENOTIPAGEM - ARQUIVO PERMANENTE?
É o teste de reprodutores ou reprodutoras. Os resultados desses testes de genotipagem são chamados perfis alélicos ou perfis genotípicos e são utilizados para sua identificação e nas análises de seus produtos.
O QUE É VERIFICAÇÃO DE PARENTESCO?
É o teste ou genotipagem dos produtos, de transferência de embrião, fecundação in vitro ou não. O resultado ou perfil obtido para cada produto é comparado com os resultados (perfis) dos pais alegados, para verificação do parentesco.
SE HÁ DÚVIDA APENAS DA PATERNIDADE, PORQUE FAZER O TESTE DA MÃE?
A metade da herança genética do produto vem do pai e a outra metade da mãe. As características apresentadas pelo produto devem estar presentes, portanto, em pelo menos um dos pais. A comparação dos três genótipos aumenta a precisão dos resultados.
SE UM DOS PAIS MORREU, O QUE FAZER?
Existe a possibilidade de reconstituir o genótipo do reprodutor através da análise de seus filhos e de suas respectivas mães. O mesmo pode ser feito em relação à reprodutoras através da análise de seus filhos juntamente com os respectivos pais. Informações sobre os pais do animal morto também são úteis.
QUANDO DEVEM SER ENVIADAS AS AMOSTRAS?
Amostras dos produtos podem ser enviadas desde o nascimento. As doadoras devem ser testadas tão logo entrem para o programa de transferência ou FIV. Não se deve deixar para enviar as amostras das doadoras com as de seus produtos. Os machos também devem ser genotipados assim que se tornarem reprodutores.
O RESULTADO DE TIPIFICAÇÃO SANGUÍNEA PODE SER UTILIZADO EM ANÁLISE DE PARENTESCO COM RESULTADOS DE TESTE EM DNA?
Não. Os dois testes são diferentes e produzem resultados incompatíveis para efeito de comparações. Resultados de testes em DNA só podem ser comparados com outros de DNA assim como resultados de tipificação sanguínea só podem ser comparados com outros de tipificação sanguínea.